O Secretário Regional da Agricultura e Florestas afirmou que a realização, na próxima semana, nos Açores, da sessão plenária da Assembleia das Regiões Europeias Vitícolas (AREV) é extremamente importante pela visibilidade que dará à Região enquanto produtora de vinhos de qualidade, ao trabalho de recuperação das vinhas que tem sido feito e ao potencial económico e social deste setor.

“Este evento, que acontece pela primeira vez nos Açores, constitui uma excelente oportunidade para dar a conhecer mundialmente todo o trabalho e potencial de crescimento dos vinhos de qualidade que são produzidos nos Açores”, frisou João Ponte.

O governante acrescentou que a reunião terá lugar durante dois dias, no Faial e no Pico, considerando que os Açores, no seu todo, ficam a ganham com a possibilidade de acolher e organizar, pela primeira vez, um evento como este.

O Secretário Regional adiantou que foi planeado um programa equilibrado, que tira partido da proximidade entre o Faial e o Pico, beneficiando ambas as ilhas.

A sessão plenária da AREV decorre a 12 de junho, na Sociedade Amor da Pátria, na Horta.

No dia seguinte, o programa decorre integralmente no Pico, começando com uma visita às curraletas de vinha, na zona da Criação Velha, na Madalena, classificada pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade, seguindo-se uma visita ao Museu do Vinho e à Adega A Buraca.

No Centro Interpretativo da Vinha terá lugar uma degustação de vinhos dos Açores, com a presença de todos os produtores de vinho certificado do Pico e outras entidades locais convidadas, estando ainda prevista uma visita à Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico.

A AREV é uma associação representativa do setor vitivinícola, que conta com 75 regiões associadas, sendo os Açores sócios efetivos há cerca de 20 anos.

Esta associação, presidida pelo espanhol Emiliano García–Page, também Presidente de Castilla-La Mancha, intervém junto de todas as instituições e instâncias encarregues, direta ou indiretamente, da política vitivinícola europeia ou mundial e intervém em todos os dossiers que se relacionem com o vinho.

Na Assembleia Geral da AREV serão analisados temas como a reforma da Política Agrícola Comum, técnicas vinícolas, rotulagem, tendências dos mercados, bem como outras questões que importam aos territórios vitícolas europeus.

Pin It